Saveiros Tour – Turismo e Navegação

Desde 1978 prestando serviços náuticos com qualidade, conforto e segurança.

  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Google+

Ana: Conhecer a história do Rio num passeio de barco. Esse é o nosso programão de hoje! Fábio Júdice testou esse passeio pra gente. Que tal?

Fábio: Pois é Ana, nesse calor todo um programão é você pegar, fugir do calor, pegar um barco, um saveiro e descobrir o quê que a Baía de Guanabara tem.

Ana: Vamos ver então?

Narrador: Nesses dias quentes, cariocas e turistas estão cada vez mais próximos do mar, e contam com várias opções de passeio pela Baía de Guanabara.

Turista: É uma oportunidade diferenciada, porque você está sempre dentro da cidade né, enquanto no mar você tem uma vista diferente do Rio.

Fábio: Diariamente, vários barcos saem daqui da Marina da Glória oferecendo passeios pela Baía de Guanabara, um programão perfeito para fugir do calor e conhecer um pouco mais da história do Rio.

Narrador: A saída da Marina da Glória já proporciona uma bela imagem da cidade vista do mar. O vento refresca. O saveiro passa pelas orlas de Flamengo, Botafogo e rapidinho chegamos á Urca.

Fábio: Um dos pontos fortes daqui da Urca está bem ali ó: o prédio onde funcionou o Cassino da Urca. Muita gente deve ter muita curiosidade né?

Guia Ângela: Claro, é um prédio muito importante desde a construção dele para ser um balneário e depois como um cassino, onde esteve Carmem Miranda com bonitos musicais. Então é um prédio que não pode deixar de ser visitado e conhecido.

Fábio: Uma curiosidade do bairro

Guia Ângela: Roberto Carlos, o rei mora aqui.

Narrador: O saveiro segue e passamos pelos fortes. São João, São Miguel, São José e o Forte da Lage, também conhecido como Forte Tamandaré, que merecia estar mais bem cuidado. Estas construções serviram para defender a entrada da Baía de Guanabara desde o século XVI até o início do século XX. Por sinal a cineasta Carla Camurati rodou parte do filme “Carlota Joaquina, a princesa do Brasil”, em 1994, no Forte São João.

Fábio: Estamos chegando agora á Fortaleza de Santa Cruz da Barra, que fica no bairro de Jurujuba em Niterói. De acordo com o tipo de passeio as pessoas podem atracar em um local próximo e fazer uma visita ao espaço.

Guia Renata Couto: Nós temos dois passeios: um de duas horas e um de quatro horas e meia, onde a pessoa pode descer, almoçar, conhecer o espaço e depois retornar ao barco.

Narrador: Quem descer aqui em Jurujuba vai conhecer uma das maiores fortalezas da América Latina, que recebe hoje em dia uma média de 8 mil visitantes por mês.

Turista: Eu mesmo não conhecia. Moro no Rio a muito tempo e nunca vim aqui. Estou conhecendo agora depois de 42 anos.